terça-feira, 8 de setembro de 2009

O NOME DELE ERA KAMUZU BANDA

Com o objetivo de apresentar o país em todos os aspectos: sociais, culturais, geográficos, históricos, humanos, exóticos e comportamentais, registro por aqui um pequeno texto sobre este importante personagem da política do Malawi.



Ele está em toda parte do país, no aeroporto, na estrada, no hospital, na escola, em tudo se encontra o seu nome. As homenagens ainda se estendem por meio de um memorial - localizado na capital, em Lilongue - no qual há uma enorme estátua em que está apoiado numa bengala com a mão esquerda, e a direita estendendo uma tocha aos céus. Sem falar no mausoléu, onde está enterrado, cercado por um bonito jardim, na lápide está escrito em inglês o começo do Salmo 23: “O Senhor é o meu pastor; nada me faltará. Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso; refrigera-me a alma”.
Apesar de ter falecido há mais de dez anos, ninguém está tão vivo no Malawi quanto ele, Kamuzu Banda, o primeiro presidente do país, morto em 1997, com 101 anos, numa clínica na África do Sul, devido a problemas de saúde.
Por intermédio da figura política dele, sob a sua liderança que Malawi conquistou a independência em 1964.
Quem se aventurar a pesquisar a respeito dessa figura descobrirá tanto atitudes boas quanto ruins, tanto críticas quanto elogios, como acontece, aliás, a todos os grandes personagens da história, as contradições, as atitudes nebulosas, muitas vezes, apenas aumentam o fascínio de uma biografia, como no caso de Kamauzu Banda


(Foto: Neo Nassif) Segundo o monitor do mausoléu, Malawi foi fundado em cima de quatro pilares, que são: Lealdade, Unidade, Obediência e Diciplina. Em cada um dos quatros pilares que sustentam o mausoléu há uma dessas frases.

3 comentários:

Claudia A. disse...

Olá!
Uma matéria que me lembrou alguns aspectos comentados.
Não é necessariamente a mesma coisa, mas lembrei de alguns comentários seus.
http://migre.me/6WJ8

(sim, eu achei o blog...rs)

Saribera disse...

Beleza de texto.

xavi disse...

Digam o que disserem dele, Mas conseguiu estabilizar o Malawi.
Nenhum dos que o sucederam conseguiu até ao momento elevar a auto estima desse Povo.